sábado, 16 de agosto de 2014

Não se compra a liberdade!



Se é verdade  que o BCE exigiu do BES a devolução de 10 000 ME provocando o desmembramento deste e a angústia em muitos milhares de pessoas, trata-se de um enxovalho a todo um Povo que tem suportado estoicamente as agruras da austeridade. O Presidente da República, em nome da Nação que representa não deveria ter-se remetido ao silêncio, antes, manifestado indignação e repulsa pela humilhação, que espelha, afinal, o papel que a europa reserva a Portugal e, deverá ser o ponto de partida para os portugueses refletirem acerca do futuro da sua velha e quase milenar nação.














Sem comentários:

Enviar um comentário